Inscreva-se na minha newsletter

Receba novidades semanalmente!

Popular Topics

Good Trouble – Encarando a vida adulta

January 3, 2019 0 min read No Comments

Good Trouble – Encarando a vida adulta

January 3, 2019 3 min read No Comments

Fãs de The Fosters, comemorem: o spin-off da série finalmente vai ao ar no dia 8 de janeiro nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, até o presente momento, nenhuma emissora comprou os direitos de transmissão – mas, se eu puder arriscar um palpite, provavelmente a Sony deverá exibir já que ela trasmitiu a série original. O episódio piloto já foi ao ar na internet, através das plataformas Hulu e Freeform, e eu conferi pra contar um pouco pra vocês. Mas antes de soltar as minhas primeiras impressões, vou deixar o trailer e uma breve sinopse da série aqui:

Sinopse: Cinco anos depois, Callie e Mariana estão formadas e resolvem se mudar juntas para Los Angeles. Mariana conseguiu um trabalho numa tech startup chamada Speckulate e Callie trabalha para um juiz conservador chamado Wilson. Mariana logo de cara não é levada a sério em sua posição de engenheira de software e Callie percebe que sua diferença de posicionamento político poderá ser um impasse em seu novo trabalho. Além disso, o local que elas escolhem para morar…não é nada ideal.

Apesar dos dramas sem fim, sempre achei The Fosters uma série com várias mensagens incríveis sobre diversidade cultural e outros temas super importantes e é claro que com Good Trouble não seria diferente. Uma coisa que achei interessante, logo de cara, é que o nome da série surgiu de um discurso de um político e ativista americano chamado John Lewis (clique aqui para assistir) em uma universidade americana onde ele pede para os jovens não deixaram injustiças passarem batido e que se metam em problemas, bons problemas.

No episódio piloto, vemos as irmãs passando um baita perrengue ao se mudarem para Los Angeles e encarando problemas bem comuns na vida de jovens adultos que estão saindo de casa ou da faculdade. É muito fácil de se identificar com elas durante o episódio e acho que esse é o tom da série. Machismo no trabalho, apartamento ruim, colegas de trabalho difíceis de lidar…tenho certeza que você também já deve ter passado ou presenciado uma dessas situações.

Não vou entrar em cenas específicas para não dar spoiler do episódio, mas achei muito bacana que a Callie não perdeu seu lado ativista mesmo tenho optado por uma carreira mais séria e rígida. Inclusive, achei muito bacana a relação dela com a nova colega de apartamento – Malika. Ela também passou pelo sistema assim como a Callie e eu sinto que ela desperta um pouco do lado passional da personagem. Tô curiosa pra ver a amizade delas se desenvolver.

No geral, eu diria que Good Trouble tem tudo pra ser uma das melhores séries do ano: o roteiro está sensacional, fotografia,  edição, atuação…tudo impecável. Mal posso esperar pelos próximos episódios! Se a série for trasmitida oficialmente no Brasil, eu volto para atualizar vocês.

No Comments

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Aquariana da terra da garoa. Amo escrever sobre beleza e ajudar outras mulheres a desbravarem esse universo. Compartilho um pouco das coisas que gosto por aqui porque me faz feliz. Tenho um fraco por conhecer esse mundão louco em que vivemos e não dispenso uma boa aventura.

+ euzinha

Redes sociais

Faça seu insta bombar!

Inscreva-se na minha newsletter ♡

Receba novidades semanalmente!

faça stories incríveis!

Posts recentes

R$130 OFF na 1ª viagem

SHEIN

SHEIN -2-Your Online Fashion T-shirts

Categorias

Instagram

  • I see skies of blue and clouds of white ☁️ The bright blessed days, the dark sacred night 🌞 🌚 
And I think to myself, what a wonderful world... 🌎 🎶
  • O primeiro passo pra fazer alguma coisa, é FAZER. Não adianta ficar refazendo mil vezes, procurando erros, defeitos e inventando desculpas dentro da sua cabeça para não realizar aquilo que você quer.
A ideia do draminha, meu podcast, surgiu em meados de 2016/2017 com a ideia de levar informação de uma forma simples e divertida. E depois de muito tempo matutando essa vontade, eu tive um clique, escrevi um roteiro e gravei.
Essa nem era a ideia original do primeiro episódio, mas foi a ideia que deu finalmente vida ao meu podcast. ✨
Tá estranho mas tá legal - tipo euzinha. 🤣
Espero que vocês gostem. E participem - eu abri um segmento só pra trocar uma ideia com vocês! Pode mandar qualquer pergunta, dúvida, sugestão e afins pro draminha@patriciasilvaneto.com.br! Até o próximo episódio! 🖤
  • Muita gente me pergunta que tinta eu uso, então resolvi compartilhar por aqui já que retoquei a raiz hoje e quero uma boa desculpa pra postar essa selfie 🤣 Eu uso 1 tubo da igora fashion lights, da caixa roxa, na cor L-44 ou L-77 (sempre alterno) e 1/2 tubo da Igora 9-7 e 1/2 tubo da 8-77. 👩🏻‍🦰 Novamente pras ruivas: qual a tinta que vocês usam? ✨ #amoracobreado
  • Antes e depois de tonalizar com o Flamingo da @kamaleaocolor. Não coloquei filtro nas fotos pra ficar o mais fiel possível a cor real. Achei que ficou um pouco forte e vou diminuir a quantidade na próxima. 👩🏻‍🦰 Essa é pras ruivas: qual tonalizante vocês usam? #amoracobreado
  • Olhem bem a carinha dessa meliante que acordou pulando em cima de mim. Meu mamutezinho de estimação 🖤🐾🤣
  • Pareço plena mas tô ali sofrendo pensando no refrão de Shallow que eu não consigo acertar. 🤣 Eu sempre quis tocar um instrumento, mas só comecei a aprender há uns anos atrás. Tem algum instrumento que você gostaria de aprender? Me conta aqui nos comentários! 🎶

Siga @patriciasilvaneto

×